Provamos e aprovamos… Santa Carolina Specialties Ocean Side Sauvignon Blanc 2014

A linha Specialties
faz parte do mais novo projeto dos enólogos da Santa Carolina (André
Caballero e Alejandro Wedeles). Os vinhos são elaborados com uvas de vinhedos antigos,
não irrigados (secano), localizados em regiões não tão comuns dando origem a
vinhos que expressam o terroir local.

Os
vinhedos de Sauvignon Blanc destinados ao Specialties
Ocean Side
estão localizados no
Valle de San Antonio
, a aproximadamente 4km do Oceano Pacífico. Tanta
proximidade com o litoral confere ao vinho frescor e mineralidade marcantes.
Conheça
mais sobre a Santa Carolina aqui.
Vamos ao vinho?
Santa
Carolina Ocean Side Specialties Sauvignon Blanc 2014
D.O Valle de San Antonio. 100% Sauvignon Blanc. 12,5%
de álcool.
Bela cor
verdeal. No nariz apresentou boa gama de aromas bastante finos, intensos e
persistentes de grapefruit, pêssego, camomila, alecrim, tomilho e mineral. Em
boca mostrou-se harmônico, com acidez viva e corpo leve, prevalecendo as notas
minerais e cítricas. Final de boca muito persistente, mineral e refrescante.
Vinho com
qualidades especiais, que vale a pena ser provado! Harmoniza bastante bem com peixes
e frutos do mar, ceviche, ostras…
Nota IV: 91
Descorchados: 94

Idas e Vinhas

Lançamento Abreu Garcia: Santa Clara Cabernet Sauvignon/Merlot 2011

Idas e Vinhas

No
final de 2015 a Abreu Garcia lançou uma
nova linha: a Santa Clara. São
vinhos que já chegam ao mercado prontos para serem degustados. Bem feitos,
frescos e equilibrados, até agora são dois rótulos: Sauvignon Blanc e um blend de Cabernet
Sauvignon
e Merlot.

Merlot, Malbec, Pinot Noir, Cabernet Sauvignon, Sauvignon
Blanc e Chardonnay são as principais castas plantadas pela Abreu Garcia em sua propriedade em Campo Belo do Sul, no Planalto Catarinense.
O terroir e a altitude (os vinhedos ficam a 950m acima
do nível do mar) favorecem a produção de espumantes e a de vinhos tranquilos
equilibrados, com teores de álcool bem moderados (média 12,5%) e acidez
marcante. Já escrevemos mais detalhadamente sobre o produtor AQUI
e ao final do texto vocês podem acessar os links
para os demais vinhos que provamos.
Neste post apresentamos o Cabernet Sauvignon/Merlot 2011. Para a elaboração do vinho, a
seleção dos cachos começa já no vinhedo, e os lotes de Cabernet Sauvignon e a
Merlot são vinificadas separadamente.
Vamos ao vinho?
Santa
Clara Cabernet Sauvignon/Merlot 2011
60% Cabernet Sauvignon e 40% Merlot. 12,58 % de álcool.
Colheita manual. Estagia 12 meses em barricas de carvalho francês de 2º e 3º
usos.
Cor vermelho granada. No nariz, boa variedade de
aromas, tanto frescos como de evolução, o que confere certa complexidade muito
interessante a esse blend.
Destacam-se os aromas florais (violetas), de frutos do bosque (cassis), pimenta
do reino, café e notas defumadas. Em boca, os aromas mais marcantes são de
licor de cassis e defumado. Taninos marcantes de muito boa qualidade, em
equilíbrio com o álcool e a acidez. Final persistente e de média intensidade,
com fundo mentolado e de especiarias. Pronto para beber. Excelente
custo/benefício!
Nota
IV: 87.
Muito bom, com características especiais.
Pedidos
no Rio de Janeiro: contato@idasevinhas.com.br
Idas e Vinhas

O Santa Clara Cabernet
Sauvignon/Merlot 2011
está em nosso Wine Club, com
condições especiais para os associados. Acesse aqui a campanha: Duo AG Santa Clara
Ainda
não é membro do Idas e Vinhas Wine Club? Inscreva-se AQUI. É gratuito!
Conheça
os demais vinhos Abreu Garcia que provamos:

Lançamento Abreu Garcia: Santa Clara Sauvignon Blanc 2014

Idas e Vinhas

Merlot, Malbec, Pinot Noir, Cabernet Sauvignon,
Sauvignon Blanc e Chardonnay são as principais castas plantadas pela Abreu Garcia em sua propriedade em
Campo Belo do Sul, no Planalto
Catarinense
.

O terroir e a altitude (os vinhedos ficam a 950 m
acima do nível do mar) favorecem a produção de espumantes e a de vinhos
tranquilos equilibrados, com teores de álcool bem moderados (média 12,5%) e
acidez marcante. Já escrevemos mais detalhadamente sobre o produtor AQUI
e ao final desse post vocês podem acessar os links para os demais vinhos que
provamos.
Hoje falamos da nova linha que a Abreu Garcia lançou no final de 2015, a Santa Clara. São vinhos que já chegam ao mercado prontos para serem
degustados. Bem feitos, frescos e equilibrados, até agora são dois rótulos: Sauvignon Blanc e um blend de Cabernet Sauvignon e Merlot.
Neste post apresentamos o Sauvignon Blanc 2014. Usualmente, os Sauvignon Blanc que estamos
mais acostumados (os chilenos) podem apresentar notas muito marcantes de
maracujá e abacaxi. Não é isso que ocorre com o Santa Clara. É um vinho mais
refrescante, com outra gama aromática, e do qual foram produzidas apenas 7800
garrafas (numeradas).
Vamos ao vinho?
Santa
Clara Sauvignon Blanc 2014
100% Sauvignon Blanc. 12% de álcool. Colheita manual.
Permanece 14 meses em contato com as borras.
Cor amarelo palha. No nariz, os aromas são finos e
refrescantes. Os florais e cítricos aparecem primeiro: flor de laranjeira, lima
da pérsia e grapefruit (toranja). O abacaxi fresco e maduro aparece com muita
delicadeza, e o tomilho torna o vinho ainda mais interessante. Em boca, os
aromas que se destacam são os florais e cítricos. De corpo leve, boa acidez,
álcool bem integrado. Equilibrado e elegante, o final bem intenso e de boa
persistência é refrescante, com fundo floral. Para ser bebido jovem. Excelente
custo/benefício!
Nota
IV
: 86. Muito bom, com características especiais.
Pedidos
no Rio de Janeiro: contato@idasevinhas.com.br
Idas e Vinhas

O
Santa Clara Sauvignon Blanc 2014 está em nosso Wine Club, com condições especiais
para os associados. Acesse aqui a campanha: Duo AG Santa Clara
Ainda
não é membro do Idas e Vinhas Wine Club? Inscreva-se AQUI. É gratuito!
Conheça
os demais vinhos Abreu Garcia que provamos:

Provamos e aprovamos… Abreu Garcia Sauvignon Blanc 2015

Idas e Vinhas



Hoje abrimos o Sauvignon Blanc 2015 da Abreu Garcia Chardonnay. Frescor e leveza, já que os termômetros marcam agora 33,5°C aqui no Rio de Janeiro!!

2016 iniciou agitado para a Abreu Garcia. Estão sendo lançadas as novas safras de alguns vinhos consolidados, bem como novidades no portfólio da vinícola.

Já escrevemos sobre a Abreu Garcia e seus vinhos aqui.


Leia sobre os lançamentos que provamos:
Chardonnay 2015 aqui.
Chardonnay Carvalho 2014 aqui.
Espumante Brut Rosé 2015 aqui.
Espumante Brut Festividad (Champenoise) 2015 aqui.
Rosé Malbec 2015 aqui.
Vamos ao vinho?

Abreu Garcia Sauvignon Blanc 2015
100% Sauvignon Blanc, 12,3% de álcool.

Cor
amarelo palha, límpido e brilhante. No nariz, apresentou boa variedade de
aromas, destacando-se abacaxi, maracujá e tangerina frescos, alecrim e flores
brancas. Em boca é fresco, de corpo leve, acidez e álcool muito bem equilibrados.
Os aromas sentidos no nariz se confirmam, com boas intensidade e persistência, acrescidos
de lichia. O final é médio, com fundo floral e de alecrim.

Nota IV: 84

Pedidos RJ: contato@idasevinhas.com.br

Idas e Vinhas

Provamos e aprovamos… Domaines Latrille-Bonnin – Château Chanteloiseau 2013 – Bordeaux, Graves

Idas e Vinhas
A AC Graves se estende ao Sul da cidade
de Bordeaux, à margem esquerda do Rio Garonne. É considerada a
melhor região para a produção de brancos em Bordeaux. O solo predominante é o
cascalho (Graves, em francês). As altas taxas de drenagem e propagação do calor
favorecem a maturação das cepas brancas, resultando em vinhos de aromas sutis, estruturados
e complexos.

Idas e Vinhas
Clique para ampliar

A família Bonnin é proprietária dos
vinhedos há 6 gerações. A propriedade possui 80 hectares sendo 33 de vinhedos
cultivados com castas tintas (Cabernet Sauvignon, Cabernet Franc e Merlot) e 14
de brancas (Semillon e Sauvignon Blanc), todos com 32 anos de idade.
Idas e Vinhas
Graves: Cascalho

Vamos ao vinho?
Château Chanteloiseau 2013
60% Semillon e 40%
Sauvignon Blanc. 12,3% de álcool.
Cor amarelo ouro. Com aromas intensos e
persistentes de jasmim, melão, maracujá, tangerina, camomila, mel e mineral. Em
boca apresentou médio corpo, acidez fresca e álcool equilibrado. Destaque para
a mineralidade (sal) e as notas de mel e jasmim. Final de boca muito intenso e
persistente, com fundo mineral e floral.
Nota IV: 87
Importadora: Everest 
Vendas no Rio de Janeiro: contato@idasevinhas.com.br
 

Idas e Vinhas

Provamos e aprovamos… William Fèvre Quino Blanc 2012

Idas e Vinhas
William Fèvre é um renomado produtor francês que se destaca
pelos Premier Cru Chablis, na Borgonha, e o projeto no Chile iniciou-se há 20
anos em sociedade com Victor Pino Torche cuja família vem do ramo de
mineração e agropecuária.

Já escrevemos sobre o produtor aqui.
O Valle de Malleco está localizado no
extremo sul do Chile, o clima é mediterrânico (verões quentes e secos e
invernos frios e chuvosos), com pluviosidade entre 900mm a 1200mm anuais não
havendo necessidade de irrigação. Os solos são vulcânicos com grande quantidade
de argila.
A vitivinicultura nesta região ainda está sendo
descoberta. O maior desafio está em encontrar castas que se adaptem ao curto
período de amadurecimento.
As castas que se destacam são a
Pinot Noir, Chardonnay e Sauvignon Blanc.
William Fèvre é um dos produtores que vem
ganhando notoriedade na região. Provavelmente pelo fato de que, segundo ele,
Malleco apresenta condições climáticas semelhantes às da Borgonha. Dando como
resultado vinhos com alta acidez e baixa graduação alcoólica.
Vamos ao vinho?
Quino Blanc 2012
D.O. Traiguén, Valle de Malleco
92% Sauvignon Blanc e 8% Riesling. Afinamento
em carvalho francês de segundo uso. 12,7% de álcool.
3200 garrafas produzidas.
Cor amarelo ouro com reflexos dourados. Aromas
delicados e persistentes de flores brancas, abacaxi e tangerina, além de
mineralidade marcante e alguma nota defumada. Em boca, tem médio corpo, acidez
fresca e álcool equilibrado. O abacaxi, os aromas cítricos e a mineralidade
sobressaem. Final de muito boa intensidade e persistência, com fundo cítrico e
mineral.
Nota IV: 90
Melhor mescla branca e 93 pontos no Descorchados
2015
Importadora: Domínio Cassis
Vendas no Rio de Janeiro:
contato@idasevinhas.com.br

Idas e Vinhas

Provamos e aprovamos… William Fèvre Little Quino Sauvignon Blanc 2012

Idas e Vinhas

Embora distantes geograficamente, quando
se trata de vinho, Chile e França possuem extrema intimidade. Isso só ficou
claro para nós durante nossa maratona enológica pelos vales chilenos, em 2012.

A influência francesa se faz sentir de
várias formas: em joint ventures poderosas como o projeto Almaviva
(Baron Philippe de Rothschild e Concha y Toro), laços familiares (Alexandra
Marnier comandando a grande La Postolle), vinícolas boutique como a Aquitânia, VIK, Lomalarga e William Fèvre Chile. Essa proximidade não é apenas econômica, e se
traduz também na forma de vinificar. As vinícolas com influência francesa que
visitamos se orgulham de produzir vinhos onde a madeira não se sobressai, dando
espaço para a fruta e o terroir mostrarem seu caráter.
Idas e Vinhas

William Fèvre é um renomado produtor
francês que se destaca pelos Premier Cru Chablis, na Borgonha, e o projeto no
Chile iniciou-se há 20 anos em sociedade com Victor Pino Torche cuja família
vem do ramo de mineração e agropecuária.
Idas e Vinhas

Com cuidado e sem pressa, o solo das
propriedades (nas terras altas do Vale do Maipo e ao sul em Malleco) foi
cuidadosamente estudado para que os vinhedos fossem plantados. Foram
necessárias duas décadas para que os resultados aparecessem, mas parece ter
valido a pena. Na versão 2015 do guia Descorchados, os vinhos foram muito bem
avaliados. 
Idas e Vinhas

Hoje a vinícola produz 7 linhas, sendo que
a Quino e Little Quino são dos vinhedos mais frios, em Malleco, a
640 km ao Sul de Santiago. A proposta é produzir vinhos frescos, elegantes que
expressem bem a fruta, o solo e o clima.
O rótulo premium
Quino só é produzido em determinadas safras, quando as uvas alcançam o
padrão de qualidade requerido pelo enólogo.
O Quino Sauvignon
Blanc 2012
será o vinho de abertura da degustação exclusiva que
promoveremos no próximo dia 21 de Julho no Restaurante Ráscal do
Shopping Rio Sul. Inscreva-se logo porque são apenas 12 vagas!
Acesse o formulário de
inscrição AQUI.
Saiba mais sobre a
degustação Estrelas do Chile AQUI.
O vinho que degustamos
hoje foi o Little Quino Sauvignon Blanc.
Vamos a ele?
Little Quino Sauvignon
Blanc 2012
D.O. Traiguén, Malleco Valley.
12,6% de álcool.
Foram produzidas apenas
12.508 garrafas.
Produzido com uvas
colhidas manualmente e transportadas em pequenas caixas de 12 kg. Fermentado
com leveduras nativas e a temperaturas não tão baixas para preservar os aromas
primários da fruta. Passa por estágio em tanques de aço inoxidável para manter
a acidez viva.
Cor amarelo palha com
reflexos verdeais. Aromas delicados e persistentes de flores brancas, maracujá,
lima da pérsia e alecrim, além de mineralidade marcante. Em boca, tem corpo
leve, acidez fresca e álcool equilibrado. O maracujá fresco, os aromas cítricos
e a mineralidade sobressaem. Final de boa intensidade e persistência, com
fundo cítrico e mineral ao melhor estilo Chablis.
Nota IV: 85
Nota Descorchados 2015: 92
Importadora: Domínio Cassis
Vendas no Rio de Janeiro: contato@idasevinhas.com.br

Idas e Vinhas