Provamos e aprovamos… William Fèvre Little Quino Sauvignon Blanc 2012

Idas e Vinhas

Embora distantes geograficamente, quando
se trata de vinho, Chile e França possuem extrema intimidade. Isso só ficou
claro para nós durante nossa maratona enológica pelos vales chilenos, em 2012.

A influência francesa se faz sentir de
várias formas: em joint ventures poderosas como o projeto Almaviva
(Baron Philippe de Rothschild e Concha y Toro), laços familiares (Alexandra
Marnier comandando a grande La Postolle), vinícolas boutique como a Aquitânia, VIK, Lomalarga e William Fèvre Chile. Essa proximidade não é apenas econômica, e se
traduz também na forma de vinificar. As vinícolas com influência francesa que
visitamos se orgulham de produzir vinhos onde a madeira não se sobressai, dando
espaço para a fruta e o terroir mostrarem seu caráter.
Idas e Vinhas

William Fèvre é um renomado produtor
francês que se destaca pelos Premier Cru Chablis, na Borgonha, e o projeto no
Chile iniciou-se há 20 anos em sociedade com Victor Pino Torche cuja família
vem do ramo de mineração e agropecuária.
Idas e Vinhas

Com cuidado e sem pressa, o solo das
propriedades (nas terras altas do Vale do Maipo e ao sul em Malleco) foi
cuidadosamente estudado para que os vinhedos fossem plantados. Foram
necessárias duas décadas para que os resultados aparecessem, mas parece ter
valido a pena. Na versão 2015 do guia Descorchados, os vinhos foram muito bem
avaliados. 
Idas e Vinhas

Hoje a vinícola produz 7 linhas, sendo que
a Quino e Little Quino são dos vinhedos mais frios, em Malleco, a
640 km ao Sul de Santiago. A proposta é produzir vinhos frescos, elegantes que
expressem bem a fruta, o solo e o clima.
O rótulo premium
Quino só é produzido em determinadas safras, quando as uvas alcançam o
padrão de qualidade requerido pelo enólogo.
O Quino Sauvignon
Blanc 2012
será o vinho de abertura da degustação exclusiva que
promoveremos no próximo dia 21 de Julho no Restaurante Ráscal do
Shopping Rio Sul. Inscreva-se logo porque são apenas 12 vagas!
Acesse o formulário de
inscrição AQUI.
Saiba mais sobre a
degustação Estrelas do Chile AQUI.
O vinho que degustamos
hoje foi o Little Quino Sauvignon Blanc.
Vamos a ele?
Little Quino Sauvignon
Blanc 2012
D.O. Traiguén, Malleco Valley.
12,6% de álcool.
Foram produzidas apenas
12.508 garrafas.
Produzido com uvas
colhidas manualmente e transportadas em pequenas caixas de 12 kg. Fermentado
com leveduras nativas e a temperaturas não tão baixas para preservar os aromas
primários da fruta. Passa por estágio em tanques de aço inoxidável para manter
a acidez viva.
Cor amarelo palha com
reflexos verdeais. Aromas delicados e persistentes de flores brancas, maracujá,
lima da pérsia e alecrim, além de mineralidade marcante. Em boca, tem corpo
leve, acidez fresca e álcool equilibrado. O maracujá fresco, os aromas cítricos
e a mineralidade sobressaem. Final de boa intensidade e persistência, com
fundo cítrico e mineral ao melhor estilo Chablis.
Nota IV: 85
Nota Descorchados 2015: 92
Importadora: Domínio Cassis
Vendas no Rio de Janeiro: contato@idasevinhas.com.br

Idas e Vinhas